Grêmio sofre na bola aérea e é derrotado pelo Palmeiras: 3 a 2


Por - 19/09/2015 às

(Foto: Marcos Ribolli)
Escalação inicial: Tiago, Lucas Ramon, Bressan e Erazo, Marcelo Oliveira, Wallace e Moises, Douglas, Fernandinho e Pedro Rocha, Luan.

O Grêmio visitou o Palmeiras neste sábado no Pacaembu e acabou sofrendo revés de 3 a 2, perdendo a chance de encostar nos líderes e agora vendo o próprio time alviverde encostar na classificação. Os três gols do time da casa saíram após cruzamentos na área. Dois gols foram de cabeça.
Luan marcou os gols Gremistas.

PRIMEIRO TEMPO
O time do Palmeiras iniciou a partida com intensidade e apesar de ter menos posse de bola era o time que chegava com mais perigo ao ataque. O resultado disso veio logo aos 6 minutos. Após bola levantada na área, o goleiro Tiago saiu mal e Vitor Hugo marcou de cabeça.

O time do Palmeiras continuou pressionando e aos 11 quase ampliou, mas Lucas Barrios chutou mal na cara do gol de Tiago.
Em lance oportuno, aos 20 minutos o time da casa saiu jogando errado, Douglas lançou Luan que na cara do gol bateu na saída de Fernando Prass.

Após o empate, o Grêmio melhorou na partida e passou a ter o controle do jogo. Aos 31, em contra-ataque, Luan recebeu de Fernandinho livre na entrada da área mas bateu para fora. Como quem não faz toma, no lance seguinte após bola levantada na área, Lucas Barrios marcou de cabeça.

Aos 38, em cruzamento fechado de Gabriel Jesus, Tiago não alcançou e a bola tocou no travessão.
O Grêmio não teve forças para reagir e a etapa inicial se encaminhou ao final.

SEGUNDO TEMPO
A etapa final diminuiu de ritmo e as duas equipes passaram a priorizar a marcação e a estudar mais o jogo. Com isso, as chances diminuíram.
Mas, aos 13 minutos o Grêmio falhou no meio de campo. O Tricolor entregou a bola de graça ao adversário e após cruzamento, a bola sobrou para Rafael Marques que apenas desviou para as redes.

Aos 18, Robinho fez grande jogada e chutou, obrigado Tiago a fazer grande defesa. O time do Palmeiras estava ofensivo e segurando o resultado. O Grêmio não mostrava poder de reação, mas teve chance clara aos 35 minutos quando Everton recebeu passe de Douglas e na cara do gol bateu em cima do goleiro.

Aos 39, Luan cobrou pênalti com categoria e descontou. O Tricolor buscou pressionar mas não conseguiu o resultado.

PRÓXIMA PARTIDA
Copa do Brasil - Quartas de final
Fluminense x Grêmio - 23/09/2015 - 22h
Compartilhe no Google+

Comentários