Grêmio pressiona mas não consegue sair do 0x0 com Coritiba em casa


Por - 30/08/2015 às

O Grêmio recebeu o Coritiba na manhã deste domingo (30) em jogo válido pela 21ª rodada do Brasileirão.

O Grêmio entrou em campo com a seguinte escalação: Grohe; Galhardo, Erazo, Geromel, M. Oliveira; Edinho, Walace, Douglas, Giuliano; Fernandinho, Luan. Já o Coritiba, foi a campo com: Wilson; Leandro Silva, Walisson Maia, Juninho, Carlinhos, João Paulo, Luís Cáceres, Lúcio Flávio, Ruy, Henrique Almeida, Rafhael Lucas.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA
Um começo de jogo um pouco diferente com o que estamos acostumados de ver do Grêmio na Arena. A equipe paranaense, diferente dos dois jogos da Copa do Brasil vencidos pelo Grêmio, tratou de pôr a bola no chão e assim teve superioridade nos primeiros minutos. Mas aos poucos o Tricolor foi gostando do jogo e, aos 18 minutos teve sua primeira boa chegada com Giuliano e Luan.

Com mais posse de bola, o Grêmio passou a pressionar o Coritiba, porém sem a boa condução de bola de Maicon no meio campo. Aos 29 minutos, Grêmio teve mais uma ótima chegada com Luan, porém o goleiro Wilson fez grande defesa. O placar em 0x0 insistia em continuar.

Nos contra-ataques, o Coritiba levava perigo fazendo o goleiro Marcelo Grohe trabalhar.

O Grêmio, na altura dos 43 minutos, tinha o volume de jogo, criava as chances mas não conseguia finalizar com êxito.

Mas ainda assim, tirando os primeiros minutos, o Grêmio fez um bom primeiro tempo, oprimindo o Coritiba no seu campo. O que faltou foi o gol. Luan, Giuliano e Galhardo, foram os melhores do primeiro tempo.

Na volta para o 2º tempo, ambas equipes voltaram sem nenhuma modificação.

O Grêmio, assim como acabou o primeiro tempo, voltou afim de jogo! Logo no início, em ótima tabela com Luan, Fernandinho chegou bem, porém o defensor do Coxa Branca chegou fazendo a cobertura.

Tricolor seguia pressionando e o Coritiba se defendendo bem, tentando sair nos contra-ataques. Claramente sentindo o sol forte do meio dia, Marcelo Grohe passou mal, e quase foi substituído por Tiago.

Até os 20 minutos, era um jogo equilibrado com poucas chances de gol, então era preciso uma mudança. Roger colocou Pedro Rocha no lugar de Fernandinho, para que houvesse uma troca de posições intensa dele com Luan.

28 minutos passados, o Grêmio sentia muito o cansaço e o 0x0 no placar insistia em continuar. À esta altura, o Grêmio já contava com Lucas Ramon no lugar de Galhardo.

Casado, o Grêmio passou a cometar mais faltas, tanto que em menos de 3 minutos, Geromel e Douglas sofreram cartão amarelo. No segundo tempo, Luan já não fazia mais boa partida como fez no primeiro tempo, o jogador perdeu gol e não conseguia mais se movimentar com intensidade.

Valente, o Grêmio conseguia criar algumas chances de gol, já o Coritiba se defendia bem. Ainda com o 0x0 no placar, Roger colocou o time do Grêmio pra frente, tirando o volante Walace e colocando o atacante Bobô.

O Grêmio no final ainda ensaiou uma pressão, porém, não conseguiu êxito nas finalizações. Fim de jogo: Grêmio 0x0 Coritiba.
Compartilhe no Google+

Comentários