Grêmio pode ganhar quase R$ 8 milhões na Copa do Brasil


Por - 22/07/2015 às

Um time que inicia a competição desde a primeira fase e chega ao título pode faturar até R$ 7,95 milhões — para isso, precisa fazer parte do Grupo 1, ou seja, estar entre os principais clubes do país na divisão feita pela CBF, onde se incluem Grêmio e Inter. O clube colorado, no entanto, pode receber no máximo R$ 6,51 milhões por iniciar a disputa apenas nas oitavas de final por conta da participação na Libertadores.

A CBF paga a premiação por fases. Nas duas primeiras, há diferenças para times dos grupos 1, 2 e 3 (times que pertencem a cada grupo listados ao fim do texto). Com a participação nas primeiras quatro fases garantida, o Grêmio já embolsou R$ 2,13 milhões. Caso chegue ao título, receberá R$ 7,95 milhões.

Premiação da Copa do Brasil 2015:
1ª fase — R$ 400 mil (grupo 1) / R$ 350 mil (2) / R$ 200 mil (3)
2ª fase — R$ 480 mil (grupo 1) / R$ 420 mil (2) / R$ 240 mil (3)
3ª fase — R$ 560 mil
Oitavas de final — R$ 690 mil
Quartas de final — R$ 820 mil
Semifinal — R$ 1 milhão
Vice-campeão — R$ 2 milhões
Campeão — R$ 4 milhões

Total para o campeão se for do grupo 1: R$ 7,95 milhões
Total para o campeão que entrar nas oitavas: R$ R$ 6,51 milhões

A divisão por grupos feita pela CBF:
Grupo 1: Atlético-MG, Atlético-PR, Botafogo, Corinthians, Coritiba, Cruzeiro, Flamengo, Fluminense, Goiás, Grêmio, Inter, Palmeiras, Santos, São Paulo e Vasco;

Grupo 2: Avaí, Chapecoense, Figueirense, Joinville, Ponte Preta e Sport;

Grupo 3: todos os outros participantes da Copa do Brasil.
Compartilhe no Google+

Comentários