Grêmio sofre no início, perde o Gre-Nal e acaba com vice do Gauchão


Por - 03/05/2015 às

Tricolor sofreu dois gols no início, descontou o placar mas não conseguiu empatar


Na tarde deste domingo, Grêmio e Internacional decidiram o Gauchão 2015 no Beira-Rio, no clássico Gre-Nal 406, e o Inter venceu por 2 a 1, conquistando o título do Estadual.

Escalação inicial: Grohe, Matias, Rhodolfo, Erazo e Marcelo Oliveira, Maicon e Fellipe Bastos, Douglas, Giuliano e Luan, Braian Rodriguez.

PRIMEIRO TEMPO
O Inter iniciou a partida pressionando o Grêmio. O Tricolor mostrava desorganização defensiva e logo aos 4 minutos o Inter acertou a trave com Valdívia, de cabeça. Mas logo dois minutos depois, o time da casa abriu o placar com Nilmar, que recebeu na área e deu um toque por cima de Grohe.

O Colorado não diminuiu o ritmo e aos 10 minutos, D'Alessandro chutou da entrada da área após contra-ataque e obrigou Grohe a espalmar. O Grêmio não conseguia atacar ou criar chances claras de gol.
Aos 18, Fellipe Bastos cobrou falta e acertou a trave. Mas na sequência do lance, o próprio Fellipe Bastos recuou a bola de forma incorreta, Nilmar invadiu a área sozinho e rolou para Valdívia livre, ampliar.

Aos 28, Felipão já promoveu a primeira alteração, colocando Wallace no lugar de Fellipe Bastos. Aos 32, Luan arriscou de fora da área e a bola passou raspando a trave de Alisson. O Inter diminuiu de ritmo e o Grêmio foi quem ficou com maior posse de bola. E o resultado disso veio aos 47. Douglas cobrou falta, Rhodolfo cabeceou e o goleiro fez grande defesa. Na sobra, Giuliano empurrou a bola para as redes.

SEGUNDO TEMPO
Felipão colocou Yuri Mamute no lugar de Braian Rodríguez, que não foi bem no primeiro tempo.
Mas a etapa final estava com menor intensidade do que o primeiro tempo. Nenhuma das equipes conseguia criar grandes oportunidades de gol.

A partida era aberta, mas a defesa das duas equipes estavam se saindo melhor que os ataques adversários. Aos 23, Everton entrou no lugar de Douglas.

O jogo passou a ser bastante movimentado com o Grêmio pressionando. A partida se concentrou principalmente no campo de ataque do Tricolor, mas não conseguia criar claras oportunidades, pois o Inter se defendia bem.

Aos 43, Rhodolfo foi expulso por falta.

A partida se encaminhou ao final.
Compartilhe no Google+

Comentários