Na Serra Gaúcha, Grêmio vence Juventude e encaminha classificação


Por - 12/04/2015 às

O Grêmio subiu a Serra e enfrentou o Juventude no Alfredo Jaconi, em Caxias do Sul na tarde deste domingo. O jogo foi o primeiro dois de dois, válidos pela semi final do Gauchão 2015 e neste o Tricolor se saiu melhor, vencendo o jogo por 1x0.
Foto: Lucas Uebel / Grêmio
O jogo começou melhor para o Juventude, time da serra começou se impondo e teve a primeira chance do jogo com Brenner, que arriscou de fora da área; Marcelo Grohe espalmou e Marcelo Oliveira completou para fora.

Aos 9 minutos de jogo, Ramiro teve que ser substituído por Matías Rodríguez. O camisa 2 do Tricolor torceu o joelho esquerdo, tentou voltar para o jogo mas não conseguiu.

Em cobrança de falta o Juventude voltou a assustar o Grêmio aos 10 minutos. Wallacer, próximo a área na esquerda, cobrou direto e Marcelo Grohe fez uma ótima defesa. E foi isso que o Juventude fez no primeiro tempo.

A partir dos 15 minutos do primeiro tempo as coisas se inverteram, o Grêmio se reorganizou e começou a apertar mais a equipe da serra, tanto que logo depois, aos 19 minutos Matías Rodríguez lançou para Braian, que lutou pela bola na lateral e passou para Giuliano, o camisa 11 invadiu a área e bateu com força, abrindo o placar para o tricolor.

O Juventude sucumbiu no campo de defesa, o jogo era todo a favor do Grêmio, que armava as melhores jogadas e tinha as melhores chances de marcar.

No fim do primeiro tempo ainda, aos 42  minutos, Douglas levantou na área, perfeito, Braian, de frente para o gol cabeceou para fora. 

Ainda nos 47, depois de cobrança de escanteio e confusão na área, Wallacer veio de trás e aproveitou o rebote; mas chutou a esquerda de Marcelo Grohe, que ficou caído após choque com Digão.

No segundo tempo, mesmo com a saída de Duda e a entrada de Edilson, o Juventude não conseguiu se recompor em campo, o Grêmio continuava superior, com toque de bola preciso e boas jogadas no ataque.

Aos 10 o Juventude teve sua primeira chance na segunda etapa, Douglas recebeu na área pela esquerda, mas o capitão Rhodolfo foi efetivo na marcação e afastou o perigo.

Logo depois foi a vez do Grêmio mostrar trabalho, Fellipe Bastos arriscou de fora da área, chute forte no meio do gol, Airton fez a defesa.


Picoli persistiu,  colocou Zulu em campo para jogar o Juventude ao ataque, mas a modificação não foi eficaz. O Grêmio permaneceu consistente, ainda mais na defesa que não dava chances ao Juventude para criar jogadas e sequer tentar o empate. 

Boa jogada do Grêmio aconteceu aos 33 da segunda etapa; Luan recebeu e tocou para Mamute, que ia entrando livre na área; Yuri demorou a bater e quando o fez, foi fraco, no meio do gol; fácil defesa para o goleiro Airton, do juventude.

O jogo seguiu com a premissa do início. O Grêmio seguiu superior e ao final do jogo, apenas administrou o placar, saindo do Jaconi com a vitória e a classificação encaminhada para a final do Campeonato Gaúcho 2015.


*O jogo de volta acontece sábado (18) ás 16:00 horas na Arena do Grêmio.
Compartilhe no Google+

Comentários