Grêmio firma acordo e Felipão escapa de julgamento


Por - 20/03/2015 às

O Departamento Jurídico do Grêmio firmou um acordo com o Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RS) e o técnico Luiz Felipe Scolari não será julgado por ter chamado o árbitro Francisco Silva Neto de "Chico Colorado",  ao ser expulso na vitória do Grêmio por 1 a 0 sobre o Ypiranga, em Erechim.
Foto: Getty Images
Felipão se livrou do julgamento, mas não de uma 'punição'. No acordo suspendendo o julgamento, ficou ao comandante Tricolor pagar 15 cestas básicas, em um valor total de R$ 3 mil reais. Felipão terá de entregar a doação para federação em cinco dias úteis. Esta, então, definirá a entidade que receberá. 

Se julgado, Felipão  poderia pegar até seis jogos de suspensão. Fellipe Bastos, também expulso naquela partida, foi julgado na tarde da última quinta-feira (19) e pegou um jogo de suspensão (já cumprido diante do Cruzeiro) mas ficará de fora do jogo contra o Lajeadense, no domingo (23) na Arena do Grêmio, por ter levado o terceiro cartão amarelo.
Compartilhe no Google+

Comentários