"Não é fácil fazer futebol com poucos recursos" diz Rui Costa


Por - 11/02/2015 às

Diretor executivo do Grêmio esfriou ideia de novas contratações


A situação financeira do Grêmio no ano de 2015 realmente parece ser crítica. Mesmo com a saída de 13 jogadores além de empréstimos, o Tricolor segue com o pensamento de melhor saúde financeira para esta temporada.

Consciente de que precisa de reforços, o diretor executivo do Grêmio, Rui Costa, comentou que o Tricolor sabe da necessidade, porém deverá buscar novos nomes apenas para início do Brasileirão.

- Estamos atentos ao mercado, é claro que o Grêmio tem consciência de que não pode ter um grupo tão reduzido. Se for possível (buscar reforços) nesse primeiro momento, faremos. Se não, vamos trabalhar para que esses reforços venham quando estivermos mais equilibrados, como em junho ou julho, no inicio do Brasileirão. Não é fácil fazer futebol com poucos recursos - frisou.

Mesmo com a derrota para o Brasil de Pelotas e a necessidade de contratações, Rui comenta que o torcedor não deve achar que o clube está 'desesperado' por contratações:

- Não quero criar falsa expectativa que vamos contratar imediatamente porque perdemos para o Brasil de Pelotas. Estamos muito atentos ao mercado, cientes que não se perde dois centroavantes impunemente. Temos jovens hoje na função - complementa.
Compartilhe no Google+

Comentários