Grêmio joga mal e perde para o Aimoré fora de casa


Por - 04/02/2015 às

Tricolor acabou derrotado no estádio Cristo Rei por 2 a 1
Foto: Lucas Uebel

O Grêmio visitou o Aimoré na noite desta quarta-feira no estádio Cristo Rei e acabou sendo derrotado pelo placar de 2 a 1. O time da casa abriu vantagem de dois gols no primeiro tempo e o Tricolor apenas descontou com Luan no segundo tempo. O Grêmio teve muitas dificuldades na partida e não conseguiu ter uma boa atuação.

Escalação inicial: Marcelo Grohe; Galhardo, Rhodolfo, Marcelo Oliveira e Júnior; Arthur, Fellipe Bastos, Luan e Douglas; Lucas Coelho e Marcelo Moreno.

PRIMEIRO TEMPO
O jogo mal começou e o Aimoré logo abriu o placar. Logo no primeiro minuto, Mikael arrancou, deu meia-lua em Marcelo Oliveira e bateu cruzado, a bola desviou em Rhodolfo e encobriu Grohe

O time do Grêmio tentou manter mais a posse de bola, porém tinha dificuldades em criar jogadas ofensivas e o time do Aimoré, motivado dentro de campo, conseguia conter as investidas Tricolores.

A primeira grande chance do Grêmio foi aos 25 minutos, quando Douglas cobrou falta, Marcelo Moreno desviou e o goleiro Marcelo Pitol fez grande defesa. O Grêmio buscou cruzamentos e chutes de fora da área, porém, sem sucesso. Para piorar, no último lance do primeiro tempo, Rennan Oliveira acertou um belo chute e ampliou o placar para o Aimoré.

SEGUNDO TEMPO
Para a etapa final, o Grêmio voltou com alterações. Entraram Everton e Matias Rodríguez nos lugares de Arthur e Lucas Coelho.

Mesmo assim, o time da casa continuou melhor na partida e apesar de o Grêmio ter mais posse de bola, o Aimoré conseguia segurar e não ficava apenas na defesa, também subindo ao campo de ataque,
Porém, em lançamento de Everton, Luan dominou dentro da área e bateu, a bola desviou e enganou o goleiro Marcelo Pitol, descontando o placar.

Após o gol, o time do Aimoré foi para a defesa, enquanto o Grêmio começou a pressionar. Porém, era uma 'pressão falsa', pois o Tricolor não conseguia furar a retranca do time da casa e criar oportunidades de gol.

Aos 39, Mikael foi expulso por levar o segundo amarelo, deixando o Aimoré com um a menos. Quatro minutos mais tarde, Diego Viana foi expulso, e assim o time da casa ficou com apenas nove jogadores em campo.

Mesmo com seis minutos de acréscimo e dois homens a mais em campo, o Tricolor não conseguiu arrancar o empate e acabou perdendo a invencibilidade no Gauchão.

Compartilhe no Google+

Comentários