Grêmio é derrotado pelo Corinthians e se complica na disputa pelo G4


Por - 23/11/2014 às

Em um jogo por briga direta pela Libertadores do próximo ano, o Grêmio acabou sendo derrotado fora de casa pelo Corinthians por 1 a 0, gol de Guerrero no segundo tempo. O time da casa foi superior durante a maior parte do tempo, acertando a trave em duas oportunidades. O Grêmio pouco conseguiu ameçar o gol adversário.
Com o resultado, o Corinthians se manteve em 3º e o Grêmio se complicou na luta por vaga na Libertadores, em 6º.

Confira aqui como ficou a classificação


Escalação inicial: Marcelo Grohe; Ramiro, Rhodolfo, Bressan e Zé Roberto; Walace, Fellipe Bastos, Riveros e Luan; Dudu e Barcos.

O Corinthians foi quem ditou o ritmo do primeiro tempo, tendo mais posse de bola e criando as principais oportunidades de gol. O Tricolor apenas tentava contra-ataques, porém pouco ameaçou o gol adversário.

A primeira boa oportunidade veio aos 10 minutos quando o atacante Guerrero recebeu na área, girou e bateu na trave de Grohe. Aos 22, após cobrança de escanteio, Felipe cabeceou sozinho muito perto do gol de Grohe, que apenas observou.

Minutos mais tarde, Fábio Santos ganhou dividida na esquerda e cruzou rasteiro para Guerrero que chutou no canto para ótima defesa de Marcelo Grohe. No lance seguinte, Fagner chutou de longe e assustou o goleiro Gremista.
O Tricolor não conseguiu ameaçar o gol do time da casa. A única chance foi aos 35, mas o chute de Felipe Bastos foi longe. A etapa inicial terminou com placar em branco.

Para o segundo tempo, o Tricolor voltou com alteração, entrada de Giuliano no lugar de Riveros.
Aos 2 minutos, Giuliano arriscou de fora da área, o goleiro Cássio espalmou e Barcos fez o gol, porém foi bem anulado pela arbitragem, que marcou impedimento.

Mais ofensivo, aos 9 minutos, Ramiro recebeu lançamento e bateu cruzado quase sem ângulo e o goleiro Cássio jogou para escanteio. O Tricolor era quem ditava o ritmo do segundo tempo, tendo mais posse de bola e deixando o time do Corinthians mais recuado.

Aos poucos o time da casa voltou a controlar a partida. Em uma bola parada, aos 35 minutos, o Corinthians voltou a acertar a trave do goleiro Marcelo Grohe em toque de cabeça de Petros. Aos 37, aproveitando o momento de pressão, o Corinthians abriu o placar com Guerrero, que bateu de dentro da área, a bola desviou em Rhodolfo e Grohe antes de entrar.

O Tricolor ainda tentou pressionar, porém não conseguiu o gol de empate.
Compartilhe no Google+

Comentários