Arena do Grêmio é certificada com o 'selo verde' por ser sustentável


Por - 12/06/2014 às


A Arena do Grêmio agora tem selo verde. O estádio foi certificado na categoria Prata do Leadership in Energy and Environmental Design (LEED), emitida pela USGBC (United States Green Building Council), de Washington, nos Estados Unidos. Essa é a certificação mais utilizada no mundo como reconhecimento oficial de que um projeto cumpre com requerimentos que desenvolvem a construção sustentável.

São poucas as construções no Brasil que possuem este selo. O Grêmio conseguiu 51 pontos e passou na certificação. Os pontos avaliados foram: prevenção ativa de poluição na construção, escolha do terreno, densidade de desenvolvimento e envolvimento com a comunidade, coleta de água das chuvas, redução no uso da água, performance energética mínima, armazenamento e coleta de recicláveis, uso de materiais regionais, e inovação em design.

A Arena utilizou madeira de reflorestamento e também 50% de Aço reciclado. Os motores não tinham substâncias poluentes, como graxa para a lubrificação (foi usada a tecnologia de magnetismo), enquanto o ar condicionado utiliza gases que não contaminam. Já a água é reaproveitada de coleta da chuva, em dois locais: nas calhas de água da cobertura e no fosso da grama.

Adaptado de Globoesporte
Compartilhe no Google+

Comentários