Fábio Koff garante permanência de dirigentes e Enderson


Por - 01/05/2014 às

(Foto: Diego Guichard/GloboEsporte.com)
Após a eliminação da Libertadores, o Grêmio segue em constante pressão por resultados. Com isso, muito tem sido contestado os responsáveis pelo mau momento do time no ano, principalmente o técnico Enderson Moreira.

Apesar disso, o presidente Fábio Koff, que após a eliminação na madrugada após a partida, estivesse em dúvida sobre a permanência do treinador, confirmou na tarde desta quinta ao Globoesporte.com, que o treinador segue no comando do time:

- Eu não posso dizer que o técnico será eterno de uma equipe. Isso não existe. O trabalho é reconhecidamente bom. O Enderson sofre uma avaliação diária. A relação dele no grupo, lançamento de uma série de garotos, a coragem que demonstrou são predicados que precisam ser considerados. Tivemos um erro estratégico que foi no Gauchão. Uma competição que não leva a nada, nem a premiação. O Rhodolfo está no departamento médico, o Luan acabou de sair. O Wendell também chegou a ficar fora. Acho que o erro está no Gauchão. No mais, não tenho mais restrição à comissão técnica. Evidentemente que ele segue. Não há razões para mudar - disse ao GloboEsporte.com.

O presidente, porém, não escondeu o abatimento com a eliminação e na tarde desta quinta-feira, fez uma reunião em reservado com o treinador, time e dirigentes.


Adaptado de Globoesporte
Compartilhe no Google+

Comentários