Reservas do Grêmio vencem o Atlético-MG na Arena: 2 a 1


Por - 27/04/2014 às


O Grêmio recebeu o Atlético-MG na noite deste domingo na Arena e mesmo jogando com reservas, mostrou superioridade e venceu os titulares do Atlético-MG por 2 a 1. A partida foi tranquila para o Tricolor até os 38 da etapa final, quando o Galo fez um gol e o Grêmio teve um jogador expulso minutos depois. Mas, o Grêmio conseguiu segurar o resultado, conquistando a primeira vitória na competição.

Com apenas três titulares e no esquema 4-5-1, o Grêmio iniciou a partida com: Marcelo Grohe; Moisés, Saimon, Bressan e Breno; Matheus Biteco, Ramiro, Alan Ruiz, Rodriguinho e Luan; Lucas Coelho.

O Grêmio começou a partida pressionando o Galo, finalizando algumas vezes nos primeiros minutos. E o resultado da pressão não demorou a vir. Aos 10 minutos, Alán Ruiz sofreu e cobrou uma falta da intermediária, acertando uma bomba no canto de Victor, para abrir o placar.

O Atlético-MG parecia assustando dentro de campo. Aos 21 minutos, Alex Silva recuou para Victor, mas foi muito fraco. Lucas Coelho deu uma meia-lua em Victor antes de estufar a rede mineira. Depois do gol, o Grêmio se fechou mais e se defendia com excelência.

O Atlético-MG tinha mais posse de bola, porém o Grêmio marcava bem e o Galo pouco chegou. A principal oportunidade do Atlético foi aos 26 minutos, quando Ronaldinho cobrou falta, Grohe espalmou e na sobra a zaga do Grêmio tirou a bola em cima da linha.

Para a etapa final, o Grêmio voltou sem alterações, mas voltou também mais ligado em campo que o time do Atlético-MG, sustentando o resultado. O Tricolor saiu em contra-ataque e quase ampliou aos 16 minutos com Rodriguinho, mas Victor salvou o Galo.

O time do Atlético, apesar de continuar mantendo maior posse de bola, não conseguia criar oportunidades de gol. O Grêmio, bem postado na defesa segurava o resultado. Aos 32 minutos, Alán Ruiz arriscou chute de fora da área e a bola passou raspando a trave de Victor.

Em um cruzamento para a área do Grêmio aos 38 minutos, a bola  sobrou para Fernandinho, que bateu rasteiro no canto de Grohe para descontar. Aos 41, Bressan recebeu o segundo cartão amarelo por retardar o jogo e acabou expulso.

Aos 44 minutos, Marcelo Grohe fez grande defesa após cabeçada de Alex Silva, salvando o Grêmio, que segurou o resultado.

Compartilhe no Google+

Comentários