Artilheiro Contestado


- 23/03/2014 às

     Barcos chegou ao Grêmio com status de "matador". Veio em uma transferência conturbada do Palmeiras, chegou prometendo gols e alimentando as esperanças do torcedor em ver um Grêmio forte, "copeiro", aguerrido e vencedor. Do êxtase inicial da torcida com a contratação até à desconfiança extrema, restaram apenas 13 gols na temporada 2013 e uma série de contestações sobre a capacidade do argentino em comandar o ataque tricolor.

     Então, começou a temporada 2014 e, ao contrário de 2013, Barcos não prometeu 28 gols, mas prometeu trabalho para colocar o Grêmio nas grandes decisões. Estamos em março e o Pirata já marcou 12 vezes no Gauchão. Os mais desconfiados dizem que ele só faz gol no campeonato regional. Mas devemos lembrar que Barcos também jogou o Gauchão de 2013 e não foi tão efetivo quanto nesta temporada. Barcos, o artilheiro que faz gols e que, mesmo assim, é contestado por parte da torcida.

     Nos jogos contra o Newell's, Barcos teve chances para marcar gols na Libertadores, mas não foi eficiente. São quatro jogos na Libertadores sem marcar gols. Barcos ainda sofre a desconfiança de 2013 de parte da torcida. Mas o feito contra o jogo do Juventude, onde marcou três gols na mesma partida, deve servir para dar maior credibilidade ao capitão tricolor. O artilheiro existe para marcar gols (não importa o campeonato). E, em 2014, Barcos está muito mais efetivo, contribuindo de forma decisiva para que o Grêmio se consolide como uma equipe forte e que disputa campeonatos sempre com o intuito de vencer.

     Barcos é o artilheiro que recebe críticas. Mas não se pode negar que assumiu a causa do Grêmio como poucos jogadores. Ao perguntado sobre a música que queria escutar (direito ofertado a quem marca 3 gols em uma mesma partida), o capitão disse que ouviria o grupo para fazer a escolha. Algo incomum, mas perfeitamente compreensível! Os gols na Libertadores vão aparecer, pois ninguém marca 3 gols na mesma partida à toa. Vamos confiar em nosso capitão!

     Saudações tricolores!
     
Compartilhe no Google+

Comentários