Renato enaltece campanha do Grêmio e justifica ausência de Zé: "A opção é minha"


Por - 21/09/2013 às

Foto do Lucas Uebel
A escalação do Grêmio na partida diante do Vitória foi contestada. O técnico Renato Portaluppi deixou no banco de reservas: Zé Roberto, Elano e Vargas.

A ausência do camisa 10 foi justificada pelo treinador como opção pessoal.

"A opção é minha. Quando perdi o Saimon já estava pensando e tirá-lo. Gosto muito do Deretti, queria o colocar no time. Levei minha equipe mais para frente. Coloquei ele de um lado, o Elano do outro. Anda difícil fazer trocas. Todos estão bem. Sempre vou pela minha cabeça e na minha cabeça fiz três boas substituições", afirmou o treinador gremista.

Zé Roberto sequer entrou em campo e assistiu do banco o empate de 0 a 0.
Renato Gaúcho destacou também a posição do Grêmio na tabela de classificação, rebatendo as críticas que vem recebendo após os últimos resultados:

"Ninguém tropeça porque quer. Não é fácil jogar aqui. Tentemos sempre. Mas quero ressaltar para vocês que o Grêmio é terceiro colocado do Brasileiro e ponto. Estamos no G-4, se vier uma crítica ou outra, tudo bem. Mas o que vamos falar dos outros então? O time vai muito bem. Estamos brigando pelo título e pela Libertadores", explicou o comandante de campo.
Compartilhe no Google+

Comentários