Grêmio acumula dívidas com a Arena e busca aquisição do estádio


Por - 13/03/2013 às

O Grêmio já acumula uma dívida de quase R$ 7 milhões em apenas dois meses com a Arena Porto Alegrense. Para que o espaço utilizado pelos sócios torcedores seja disponibilizado, o Grêmio precisa pagar  R$ 41 milhões por ano, ou 3,4 milhões mensais.

Para que o salário dos jogadores, entre outros custos não sejam atrasados, um conselheiro comentou sobre o que é feito internamente:

– Estamos dando um calote para viabilizar o funcionamento do clube – comenta um conselheiro.

Os privilégios da Arena ainda não são tão bons como eram no Olímpico para os associados e o número de inadimplentes está aumentado, o que preocupa a direção do Grêmio para o faturamento do clube.

O Grêmio ainda não entregou oficialmente o Olímpico para a OAS, alegando que as obras da Arena ainda não estão concluídas.

Mas, a principal notícia é que o Grêmio quer comprar a Arena. O Tricolor busca montar um grupo de empresários e investidores para bancar a aquisição da Gestão do estádio que está em cerca de R$ 275 milhões.
O motivo da compra, é problema do contrato. Cláusulas que foram assinadas pela diretoria anterior, não passaram pelo conselho deliberativo. Resumindo, o contrato da Arena, aprovado pelos conselheiros não foi o mesmo que foi assinado pela diretoria do Grêmio. Aí está a polêmica, pois para a atual diretoria, o contrato da Arena/Grêmio/OAS é prejudicial ao Tricolor.

Vamos aguardar como a diretoria irá se comportar referente a situação. Mas é fato, que a diretoria anterior do Paulo Odone, não fez a coisa certa. Inaugurar antes da hora, assinar contrato de forma prejudicial ao Grêmio... Bom, vamos esperar para ver.

Informações adaptadas ZeroHora / RBS /
Compartilhe no Google+

Comentários