As dificuldades e mordomias do Grêmio em Quito


Por - 14/01/2013 às


(Foto: Hector Werlang/Globoesporte.com)
Um andar inteiro com 20 quartos será a casa do Grêmio até o confronto diante da LDU no dia 23. O hotel Hilton Colón tem piscina e é na cobertura que a delegação do Tricolor incluindo jogadores e comissão técnica irão se hospedar.

Além da altitude de mais de 2850 metros, o Grêmio também enfrentará o frio, já que esta época é chuvosa em Quito. A altitude traz sintomas como respiração ofegante, dor de cabeça, e tendo que, os jogadores, se cuidar com a comida e exercícios leves até a adaptação.

(Foto: Hector Werlang/Globoesporte.com)
O Grêmio fará o reconhecimento do estádio Casablanca, onde a LDU perdeu apenas três de 24 jogos contra times Brasileiros, mostrando ser muito forte dentro de seus domínios.

Treinamentos de preparo físico poderão ser feitos na piscina do hotel, além é claro dos treinamentos normais do técnico Luxemburgo
Compartilhe no Google+

Comentários